Aproveitamento Hidroelétrico do Baixo Sabor premiado pela Secil

Lisboa, 11 de setembro de 2017

O Prémio Secil de Engenharia Civil 2014, patrocinado pela Presidência da República e pela Ordem dos Engenheiros, foi atribuído, por unanimidade do júri, ao Aproveitamento Hidroelétrico do Baixo Sabor.

A entrega deste prémio aconteceu no passado dia 21 de junho, na Estufa Fria, numa cerimónia muito emotiva. Domingos Silva Matos e toda a equipa que participou no desenvolvimento deste projeto do Baixo Sabor, subiu ao palco para receber o Prémio.

A equipa decidiu atribuir o valor total do prémio, 50 mil euros, aos Bombeiros Voluntários dos concelhos vizinhos do Baixo Sabor - Torre de Moncorvo, Alfândega da Fé, Mogadouro e Macedo de Cavaleiros.

No dia seguinte à entrega do prémio, no evento Estudos de Caso, que aconteceu no Porto, o CA da EDPP teve oportunidade de fazer um agradecimento pessoal a toda a equipa e ainda de tirar uma fotografia com Silva Matos e o prémio.

A barragem do Baixo Sabor, situada no concelho de Torre de Moncorvo, distingue-se pelos seus 123 metros de altura, sendo a segunda mais alta do país. A sua albufeira (também a segunda maior do país), duplica a capacidade de armazenamento português de água no rio Douro. Destaca-se também por ser uma plataforma de referência na conservação da natureza e na promoção da atividade económica da região.

O prémio Secil é atribuído, de quatro em quatro anos, ao projeto mais significativo na área da engenharia civil, sendo considerado como um prémio de referência na indústria. Com este, pretende-se promover o reconhecimento público de autores de soluções que tenham sido aplicadas em obras e constituam peças significativas no enriquecimento da engenharia civil e em que se reconheça ser adequado o recurso à incorporação do cimento, material cuja produção constitui vocação principal da Secil.