EDP financia 14 novos projetos sociais

Lisboa, 13 de fevereiro de 2015

6ª edição do programa EDP Solidária Barragens analisou mais de 70 candidaturas

São 14 os projetos vencedores do EDP Solidária Barragens. O programa de apoio a iniciativas sociais desenvolvidas nos concelhos abrangidos pelos novos investimentos hidroelétricos completa a 6ª edição com mais de um milhão de euros atribuídos. Entre os vencedores deste ano, há respostas inovadoras para as diversas necessidades sociais. Grupos de voluntários que promovem atividades culturais para combater o isolamento, serviços para pequenas reparações domésticas, ecoturismo inclusivo, instituições de um mesmo concelho que se associam para criar sinergias nos cuidados a idosos e a portadores de deficiência.

Em número e qualidade superior às do ano anterior, as 77 candidaturas apresentadas a concurso puderam este ano aceder a consultores voluntários para melhor prepararem os respetivos projetos. No total, houve 39 alunos e 10 técnicos e professores da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro e do Instituto Politécnico de Bragança a trabalhar com as instituições. Uma parceria inédita, pensada pela Fundação EDP para reforçar competências das instituições e garantir aos universitários uma experiência mais aproximada da realidade social. Dos 14 melhores projetos, 11 beneficiaram da colaboração destes jovens voluntários da região.

Os mais de 10 mil beneficiários previstos desta 6ª edição, juntam-se ao universo de 7.000 pessoas apoiadas nos anos anteriores. O EDP Solidária Barragens faz parte do conjunto de iniciativas associadas às novas centrais hidroelétricas, criadas pela EDP para reforçar o desenvolvimento social e económico dos concelhos abrangidos.

Projetos vencedores:

  • CUIDAR Alfândega Sénior
    Liga dos Amigos do Centro de Saúde de Alfândega da Fé - Prestação de cuidados de saúde por equipa multidisciplinar. Promover e colaborar na humanização dos cuidados de saúde e na melhoria do bem-estar dos utentes, na assistência domiciliária e serviço de ambulatório.
  • Oficina de Reparações Móvel
    Município de Macedo de Cavaleiros - Oficina de Reparações domésticas articulada com as diferentes juntas de freguesia
  • IrisMurça
    Município de Murça - CAO - Centro de Atividades Ocupacionais, de lazer e terapêuticas. Para 169 pessoas com necessidades especiais (deficiência mental) dos 19 aos 65 anos
  • Projeto Click Maior
    Associação Santo Mamede, Alijó - Centro informático, aberto à comunidade em geral, com foco no envelhecimento ativo e na promoção do sucesso escolar ou profissional. Destaca-se pela abertura deste serviço a toda a rede social.
  • Teatro para Todos
    Associação Grupo Alma de Ferro de Torre de Moncorvo - Teatro itinerante, viatura com palco móvel. Dinamização, promoção da arte e da cultura, expressão cultural, recreativa e social, junto das escolas, lares de idosos, populações mais isoladas e população em geral, pretende que o teatro seja de todos e para todos, através do conceito móvel.
  • GIS - Gabinete de Inclusão Social
    Junta de Freguesia de Torre de Moncorvo - Espaço de sinalização e orientação para os diferentes agentes locais, promovendo uma maior eficiência e otimização dos recursos existentes.
  • Crescer a Brincar Amarante
    Associação Prevenir, Amarante - Programa de promoção do ajustamento psicológico, através do reforço dos fatores de proteção e da redução dos fatores de risco. Prevenção e Promoção da Saúde que promovem competências psicossociais e hábitos de vida saudáveis (fatores de proteção) para reduzir fatores de risco nos grupos alvos (crianças, jovens e idosos) e estratégicos (famílias, agentes educativos e de saúde)
  • Em Rede pela Vida
    ADRL- Associação Desenvolvimento Rural de Lafões - Rede intermunicipal de comunicação entre idosos e jovens, através de um conjunto de atividades de valorização dos seus saberes. Promover o desenvolvimento local através da dinamização de iniciativas nas áreas dos recursos humanos, do turismo e património, da cultura e do apoio às atividades de ação social
  • experience.NATURE TUA - Valorizar para Conhecer e Conservar
    Desafio das Letras Unipessoal Alargar o conceito de Ecoturismo inclusivo ao Parque Natural do Vale do Tua. Com seis anos de experiência em programas semelhantes, destaca-se pelo seu potencial de escalabilidade através da capacitação dos agentes locais.
  • 5S - A Energia dos 5 Sentidos
    Fundação A.J. Gomes da Cunha- Espaço de Snoezelen intermunicipal, sala multissensorial que tem como objetivo a estimulação sensorial e/ou a diminuição dos níveis de ansiedade e tensão. Melhorar a qualidade de vida de pessoas portadoras de deficiência.
  • Abrir o LEQUE em Mogadouro
    Associação de Pais e Amigos de Pessoas com Necessidades Especiais (LEQUE) - Replicar a resposta social CAAAPD - Centro de Atendimento Acompanhamento e Animação para Pessoas com Deficiência de Alfândega da Fé, em Mogadouro. Melhorar a qualidade de vida e o bem-estar físico e emocional das pessoas com necessidades educativas especiais (deficiência/incapacidade) e suas famílias.
  • JUNTA-TE A NÓS - Não Fiques Parado
    Associação de Bem Fazer de Santa Luzia - Melhoria das condições físicas do edifício, alargando as atividades a toda a comunidade da freguesia (e do concelho). Desenvolver atividades culturais e recreativas, mantendo as tradições locais
  • CRI´Art - Oficina de Artes Gráficas
    CERCIMAC, Macedo de Cavaleiros - Dar continuidade ao projeto Cri’art, permitindo uma maior produção de materiais gráficos e sua comercialização. Promover a qualidade de vida de crianças, com deficiência ou risco de atraso grave de desenvolvimento, jovens e/ou adultos com deficiência
  • Preparar para Socorrer
    Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Oliveira de Frades - Formação de uma equipa e meios específicos de salvamento (barco semi rígido, equipamentos de proteção). Proteção, segurança e socorro de pessoas e bens do concelho