Bandas Filarmónicas regressam à Casa da Música

Lisboa, 26 de julho de 2013

À semelhança das edições anteriores, a EDP volta a apoiar a participação de bandas filarmónicas das regiões abrangidas pelos novos projectos hidroeléctricos, dando palco a instituições de referência, com longa tradição no ensino da música e promoção de dinâmicas culturais e sociais.

27 e 28 de Julho de 2013 
FIM-DE-SEMANA EDP 
ENCONTRO DE BANDAS FILARMÓNICAS

Sábado, 27 de Julho 
15:30 | Desfiles das Bandas na Praça Casa da Música 
Concertos na Sala Suggia 
16:00 | Sociedade Filarmónica de Vilarchão 
17:00 | Sociedade Artística Banda Vale de Cambra 
18:00 | Banda Musical Flor da Mocidade Junqueirense 

Domingo, 28 de Julho 
15:30 | Desfiles das Bandas na Praça Casa da Música 
Concertos na Sala Suggia 
16:00 | Banda União Musical Pessegueirense 
17:00 | Banda de Música de Vila Boa de Quires 
18:00 | Banda Musical de Gondomar

Entrada livre na Sala Suggia, condicionada aos lugares disponíveis 

Como já é tradição, o Verão na Casa dedica um fim-de-semana às bandas filarmónicas, num dos encontros mais festivos da programação. As bandas chegam de várias localidades do país, trazendo consigo muitos anos de tradição e os seus repertórios de eleição. Apresentam-se no formato de desfile, em redor da Casa da Música, convidando o público a ouvi-las, depois, nas melhores condições acústicas da Sala Suggia, em concertos sempre marcantes. 

O Encontro de Bandas Filarmónicas, que conta com o apoio da Fundação EDP, acontece pelo quinto ano consecutivo e representa uma oportunidade única para ouvir o trabalho de algumas das melhores bandas do país. Com um inestimável valor cultural e social, as filarmónicas apresentaram-se durante muitas décadas como o único meio de divulgação e aprendizagem da música fora dos centros urbanos, acessível a todas as classes sociais.

SOCIEDADE FILARMÓNICA DE VILARCHÃO
Manuel Batoca direcção musical 
A Sociedade Filarmónica de Vilarchão foi fundada por volta de 1830, sendo uma das bandas mais antigas do país. Vilarchão é uma pequenina aldeia do sopé da Serra da Cabreira, com aproximadamente 200 habitantes. De forma ininterrupta, tem mantido a sua banda a funcionar e das suas fileiras têm saído maestros e instrumentistas para reconhecidas bandas nacionais e internacionais, incluindo bandas de outros países da Europa e da América do Sul. Actualmente, a Sociedade Filarmónica de Vilarchão é formada por cerca de 60 músicos, na sua esmagadora maioria muito jovens.

SOCIEDADE ARTÍSTICA BANDA DE MÚSICA DE VALE DE CAMBRA 
Carlos Ferreira direcção musical 
A Banda de Música de Vale de Cambra foi fundada em 1911, tendo-se apresentado ao público, um ano mais tarde, com pouco mais de uma dúzia de elementos. Ao longo de toda a sua existência, a banda tem  sido dirigida, por reputados maestros. A Banda de Música de Vale de Cambra conquistou o 1º lugar num concurso realizado para comemorar o 25º Aniversário da FNAT e os 2ºs lugares no concurso nacional de bandas civis realizado pelo programa da RTP Sol de Verão e no concurso televisivo Filarmónicas Portuguesas. É uma Instituição de Utilidade Pública desde Agosto de 1991.

BANDA MUSICAL “FLOR DA MOCIDADE JUNQUEIRENSE” 
Paulo Jorge Almeida direcção musical 
A Banda Musical Flor da Mocidade Junqueirense foi fundada em 1898. Em 1993, realizou uma digressão pelos Estados Unidos, onde participou nas comemorações do dia de Portugal em Newark. Em 2001, a Banda gravou os CDs “Sons e Melodias” e “Czardas”, e, dois anos depois, “Olá Junqueira”. Em 2004, apresentou-se na Galiza, a Convite do Ministério da Cultura e da Junta da Galiza. Em 2008, comemorou o seu 110º Aniversário, com a realização do III Encontro de Bandas Filarmónicas em Junqueira. A Flor da Mocidade Junqueirense é constituída por 70 elementos, na maioria jovens que fizeram a sua formação na própria Escola de Música. 

BANDA UNIÃO MUSICAL PESSEGUEIRENSE 
Cláudio Ferreira direcção musical 
A Banda União Musical Pessegueirense é composta por 68 elementos, com uma média etária de 26 anos, resultado da aposta feita na formação de jovens na sua Escola de Música, que conta, actualmente, com cerca de 40 alunos. Fundada em 1866, é uma das mais antigas do distrito de Aveiro e a mais antiga do concelho de Sever do Vouga. Em 1984, a Banda União Musical Pessegueirense foi classificada como Instituição de Utilidade Pública. Em 2005, recebeu a Medalha de Ouro, na categoria de Cultura, da Câmara Municipal de Sever do Vouga, e, em 2011, a Medalha de Mérito Distrital do Governo Civil de Aveiro. 

BANDA DE MÚSICA DE VILA BOA DE QUIRES 
José Moreira Jorge direcção musical 
Desconhece­se a data exacta da fundação da Banda de Música de Vila Boa de Quires (Marco de Canaveses). A Filarmónica, cujo documento mais antigo conhecido data de 24 de Novembro de 1872, terá surgido de uma tuna nos anos de 1700. A Banda de Música de Vila Boa de Quires tem participado em vários eventos culturais por todo o país e no estrangeiro, destacando­?se a sua participação nas comemorações do Dia de Portugal em Newark, New Jersey, Estados Unidos da América, no 10 de Junho de 1990. A Banda é composta por 60 elementos.

BANDA MUSICAL DE GONDOMAR 
Luís Carvalhoso direcção musical 
A Banda Musical de Gondomar comemora, este ano, o seu 150º aniversário. Constituída em S. Cosme, realizou o primeiro concerto público no Monte Crasto, em Abril de 1868. Em 2010, a colectividade iniciou o processo de reestruturação da Banda Filarmónica, dando um forte impulso à Academia de Música, que conta com mais de 150 alunos. Para além da Filarmónica, a Banda Musical de Gondomar apresenta diversas valências como a “Banda Juvenil BMG”, a orquestra ligeira “BMG Big Band”, o quinteto de metais “Os Eruditos”, o grupo coral “BMG Chorus” e o grupo de música popular portuguesa “Litos, Quinhas e os Bandalhos”. 

Imagens